Desafios do envelhecimento populacional: por uma educação permanente participada

Armando Paulo Ferreira Loureiro

Resumo


O envelhecimento populacional é um facto social. Tal faz com que vários desafios se coloquem e se procure dar-lhes resposta em diversos setores. O da educação é um deles. Como bem sabemos, este é um setor que normalmente se tem dedicado à educação de tipo escolar e, dentro desta, a faixas etárias mais jovens. Ou seja, a tendência das políticas e da própria investigação tem recaído nessa parte da educação. No entanto, há uma outra educação que tem cada vez maior relevo na nossa sociedade e sobre a qual é necessário intensificar a reflexão e o investimento político e científico. Neste artigo procura-se dar um pequeno contributo no sentido de reforçar o relevo que a educação permanente de caráter não formal tem junto da população idosa.


Palavras-chave


Envelhecimento. Educação permanente. Participação.

Texto completo:

PDF (Português (Portugal))

Referências


BARDUS, M. Project “moving your minds” in society. In: ESCUDER-MOLLON, P.; CABEDO, S. (Ed.). Education and quality of life of senior citizens. Castellón de la Plana: Universitat Jaume I, 2013. p. 95-97.

BERMEJO, L. Boas práticas em centros de dia e em residências de pessoas idosas. In: PEREIRA, J.; LOPES, M.; RODRIGUES, T. (Coord.). Animação sociocultural, gerontoligia e geriatria. Chaves: Intervenção, 2013. p.181-196.

BERNSTEIN, B. Das pedagogias aos conhecimentos. Educação, Sociedade & Culturas, n. 15, p.9-17, 2001.

CUENCA, M. Para além do trabalho: o ócio dos reformados. In: PEREIRA, J.; LOPES, M.; RODRIGUES, T. (Coord.). Animação sociocultural, gerontoligia e geriatria. Chaves: Intervenção, 2013. p.157-177.

CUNHA, L.; PEREIRA, F.; LOUREIRO, A. Educação para o suporte social e satisfação com a vida em idosos. In: BARROSO, Á.; HOYOS, A.; SILVA, H.; FORTUNATO, I. (Org.). Diálogos interdisciplinares do envelhecimento. São Paulo: Edições Hipótese, 2019. p. 47-66.

ESCARBAJAL, A. Personas mayores, educación y eprendizaje. In: SÁEZ, J. (Coord.). Educación y aprendizage en las personas mayores. Madrid: Dykinson, 2003, p. 159-182.

ESCUDER-MOLLON, P.; CABEDO, S. (Editores). Education and quality of life of senior citizens. Castellón de la Plana: Universitat Jaume I, 2013.

FREIRE, P. Pedagogia do oprimido. 17aed. Rio Janeiro: Paz e Terra, 1987.

GARCÍA, M. Learning in Rural Areas in Castellón (Spain). In: ESCUDER-MOLLON, P.; CABEDO, S. (Ed.). Education and quality of life of senior citizens. Castellón de la Plana: Universitat Jaume I, 2013. p. 98-102..

GIANNAKOURIS, K. Ageing characterises the demographic perspectives of the european societies. Luxemburgo: Eurostat — Statistics in focus, nº 72, 2008.

GLASS, J. Factores que afectan al aprendizaje de las personas mayores. In: SÁEZ, J. (Coord.). Educación y aprendizage en las personas mayores. Madrid: Dykinson, 2003, p. 145-158.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTASTÍCA. Projeção da população do Brasil e das Unidades da Federação. Disponível em: https://www.ibge.gov.br/apps/populacao/projecao/. Acesso em: 12 abr. 2019.

INSTITUTO NACIONAL DE ESTATÍSTICA. Dia mundial da população. Destaque, Lisboa, s/n, p. 1-8, 2015.

INSTITUTO NACIONAL DE ESTATÍSTICA. Projeções de População Residente: 2015-2080. Destaque, Lisboa, s/n, p. 1-19, 2017.

KALACHE, A. Envelhecimento populacional no Brasil: uma realidade nova. Cadernos de Saúde Pública,v. 3, n.3, p.217-220, 1987.

LIMA, L. Aprender para ganhar, conhecer para competir - sobre a subordinação da educação na "sociedade da aprendizagem". São Paulo: Cortez Editora, 2012a.

LIMA, L. Educación permenente en tiempos de crisis: volviendo a Freire, Gelpi e Illich. In: APARICIO, M.; CORELLA, I.; APARICIO, P. (Eds.). Educación permenente, vida recebida y cambio de civilización. Valencia: CREC, 2012b. p. 41-62.

LIMÓN, M. La educación de personas mayores. In PETRUS, A. (Coord.). Pedagogía social. Barcelona: Ariel, 1998. p. 292-329.

LOUREIRO, A. O trabalho técnico-intelectual em educação de adultos: contribuição etnossociológica para a compreensão de uma ocupação educativa. Cascais: Sururu, 2009.

LOUREIRO, A.; ESTEVES, T. A universidade sénior como espaço de aprendizagem, socialização e envelhecimento ativo: o estudo exploratório de um caso. In: PEREIRA, J.; LOPES, M.; RODRIGUES, T. (Eds.). Animação sociocultural, gerontologia e geriatria. A intervenção social, cultural e educativa na terceira idade. Chaves: Intervenção, 2013. p. 85-91.

MARTÍN, A. Jubilación y educación de adultos. In: GARCÍA, J. (Coord.). Educación de adultos. Barcelona: Ariel, 1997. p.217-252.

MIGUEL, S. Propuestas educativas para las personas mayores. In: SÁEZ, J. (Coord.). Educación y aprendizage en las personas mayores. Madrid: Dykinson, 2003, p. 52-62.

MÍNGUEZ, J. La educación en personas mayores. Madrid: Narcea, 2004.

REQUEJO, A. Educação Permanente e educação de adultos. Lisboa: Instituto Piaget, 2005.

SÁEZ, J. La pedagogía social y la educación de personas mayores o las potencialidades de la polinización mutua. In: SÁEZ, J. (Coord.). Educación y aprendizage en las personas mayores. Madrid: Dykinson, 2003, p. 9-15.

SILVESTRE, C. Educação e formação de adultos e idosos. Uma nova oportunidade. Lisboa: Instituto Piaget, 2013.

TRILLA, J. La educación fuera de la escuela. ámbitos no formales y educación social. Barcelona: Ariel, 1998.




DOI: https://doi.org/10.24115/S2446-6220201952662p.42-49

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

 

Esta obra está licenciado com uma Licença CreativeCommons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional

 

ISSN:2446-6220

Indexadores/Indexing

 SEER - Sistema de Editoração Eletrônica de Revistas *Google Acadêmico * Worldcat - Laplage em Revista * Diadorim * DOAJLatindex *Journal TOCS  *Livre - Revistas de Acesso Livre *Sumarios.org  *Portal de Periódicos CAPES/MEC *Open Academic Journal Index - OAJI *BASE - Bielefeld Academic Research Engine *Portal de Periódicos da UFSCAR *REDIB (Red Iberoamericana de Innovación y Conocimiento Científico) *MIAR- Information Matrix for the Analysis of Journals *Catálogo Colectivo do Reino Unido (COPAC) *ZDB - Catálogo Coletivo (Alemanha) *SHERPA ROMEO - Open Acess to research *Ulrichweb Global Serials Directory *RCAAP -Repositório Científico de Acesso Aberto de Portugal *ERIH PLUS - European Reference Index for the Humanities and the Social Sciences *ROAD - Directory of Open Acess Schorlay Resources *ISSN - International Standard Serial Number  (international Centre) - CLASE - Citas Latinoamericanas en Ciencias Sociales y Humanidades - Clarivate Analytics (WEB OF SCIENCE)- Edubase (SBU/UNICAMP) - IRESIE - REDALYC