Avaliação nacional da alfabetização: o que as pesquisas apontam?

Elizabeth Gottschalg Raimann, Náfren Ferreira Lima

Resumo


Este artigo objetiva responder a seguinte questão: como as teses e dissertações abordam a Avaliação Nacional da Alfabetização (ANA) no Brasil? Para isso analisou-se os dados obtidos entre 2013 a 2017 nos bancos de dados da BDTD e CAPES. Os dados levantados apontam para treze dissertações e quatro teses relacionados à ANA. As áreas do conhecimento que trataram da temática foram educação, letras, ciência política e administração. Das pesquisas, 70% mostraram que a avaliação externa é uma ferramenta utilizada pelo Estado avaliador para controlar o trabalho do professor, bem como os conteúdos que serão ensinados ou não. Os outros 30% abordaram a ANA na perspectiva do Aprender-a-Aprender como orientação pedagógica, embasada na pedagogia das competências.


Palavras-chave


Estado do conhecimento. Avaliação em larga escala. Políticas Educacionais.

Texto completo:

PDF

Referências


Referências

AFONSO, A. J. Avaliação educacional: regulação e emancipação. São Paulo: Cortes, 2009

ALARCÃO, C. M. da S. As ideias da multiplicação em diferentes níveis do currículo nos anos iniciais do Ensino Fundamental: encontros e desencontros. 2017. 114 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade de Brasília, 2017.

ASSIS, A. K. F. de. O PNAIC e a educação básica em Jataí-GO: o que revelam os documentos? 2016. 180 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Federal de Goiás, Jataí, 2016.

BRASIL. Avaliação Nacional da Alfabetização (ANA): documento básico. Brasília: Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, 2013. Disponívelhttp://download.inep.gov.br/educacao_basica/saeb/ana/documento/2014/documento_basico_a na_online_v2.pdf. Acesso em: 22 fev. 2018

BRASIL. Relatório Educação para Todos no Brasil, 2000-2105 / Ministério da Educação. Brasília: MEC, 2014.105 p. Disponível em: http://unesdoc.unesco.org/images/0023/002326/232699por.pdf. Acesso em: 24 fev. 2018.

CAETANO, A da S. Educação Básica e Avaliação em Larga Escala: uma Análise Para Além do Quantitativo, 2016. 104 f. Dissertação (Mestrado em Educação)-Universidade Regional integrada do Alto Uruguai e das Missões, Frederico Westphalen, 2016.

CAPICOTTO, A. D. Os saberes do professor alfabetizador: entre o real e o necessário, 2017. 263 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Estadual Paulista, Instituto de Biociências de Rio Claro, 2017.

DALBEN, Â. I. L. de F. Das avaliações exigidas às avaliações necessárias. In: VILLAS BOAS, Benigna Maria de Freitas (Org.). Avaliação: políticas e práticas. Campinas: Papirus, 2002. p. 13-42

DUARTE, N. As pedagogias do “aprender a aprender” e algumas ilusões da assim chamada sociedade do conhecimento. Revista Brasileira de Educação, n. 18, p.35-40, 2001.

FERREIRA, N. S. de A. As pesquisas denominadas “Estado da Arte”. Educação & Sociedade, ano XXIII, nº 79, 2002. p. 257-272. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/es/v23n79/10857.pdf. Acesso em: 22 fev. 2018

FRANCISCO, M. P. Avaliação de larga escala na alfabetização: a média mostra a realidade da aprendizagem? 2017. 75 f. Dissertação (Mestrado em Ensino) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Foz do Iguaçu, 2017.

LIBÂNEO, J. C. O dualismo perverso da escola pública brasileira: escola do conhecimento para os ricos, escola do acolhimento social para os pobres. Educação e Pesquisa. São Paulo, v. 38, n. 1, p. 13-28, 2012.

LIMA, F. R. Política e gestão do processo alfabetizador na relação PAR/PNAIC em Dourados, MS: qual qualidade? 2016. 152 f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Federal da Grande Dourados, 2016.

LUSIVO, C. M. de T. O que não se diz e não se vê sobre o que se diz e vê: a Avaliação da Alfabetização – ANA. 2014.125 f. Dissertação (Mestrado em Educação) Universidade de Sorocaba, São Paulo, 2014

MEDEIROS, T. B. Políticas públicas em educação: o curso de formação de professores do estado de São Paulo. 2014. 226 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Política) - Universidade Federal de São Carlos, São Carlos, 2014.

NIENOW, N. dos S. A construção da imagem social da criança no diálogo com a Avaliação Nacional da Alfabetização. 2016. 367 f. Doutorado (Tese em Educação) - Universidade Federal de Mato Grosso, Cuiabá, 2016.

PEREIRA, P. da S. O. Avaliação nacional da alfabetização e provinha Brasil: percepção dos gestores e suas funções. 2015. 121f. Dissertação (Mestrado em Administração) - Universidade de Brasília, Brasília, 2015.

PIOVEZAN, R. M. de S. Avaliação nacional de alfabetização e compreensão leitora. 2017. 126 f. Dissertação (Mestrado em Língua Portuguesa) - Programa de Estudos Pós-Graduados em Língua Portuguesa, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2017.

PORTELA, M. M. Alfabetização matemática: um paralelo entre a avaliação nacional e cenários estaduais. 2016. 118 f. Dissertação (Mestrado em Gestão e Avaliação da Educação Pública)- Universidade Federal de Juiz de Fora, 2016.

RAVITCH, D. Vida e morte do grande sistema escolar americano: como os testes padronizados e o modelo de mercado ameaçam à educação. Porto Alegre: Sulina, 2011.

ROSSETTO, G. A. R da S.; FIGHERA, A. C. M.; SANTOS, E. G. dos; POWACZUK, A. C. H.; BOLZAN, Doris Pires Vargas. Desafios dos estudos “Estados da Arte”: estratégias de pesquisas na pós-graduação. Educação: Saberes e Práticas. V.2, n.1, 2013. p-1-15. Disponível em: www.icesp.br/revistas-eletronicas/index.php/SaberesPratica/article/view/54. Acesso em: fev. 2018

SANTIAGO, S. H. M.; LIMA, A. B. de. Reforma do Estado e controle avaliativo. In: Lima, Antônio Bosco (org.). Estado e o controle social no Brasil. Uberlândia: EDUFU, 2011. p. 35-40.

SAVIANI, D. História das ideias pedagógicas no Brasil. Campinas: autores associados, 2011.

SILVA, L. M. da. Avaliações em larga escala na alfabetização: contextos no ensino público de um município do estado do Ceará, 2016 98 f. Mestrado em EDUCAÇÃO- Universidade Federal do Ceará, 2016. Disponível em: https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=3665638. Acesso em: Mai. 2017

SILVA, M. A. da. Qualidade social da educação pública: algumas aproximações. Cad. Cedes, Campinas, v.29, n. 78, p. 216-226, 2009. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/ccedes/v29n78/v29n78a05.pdf. Acesso: nov. 2017

SPERRHAKE, R. O Dispositivo da Numeramentalidade e as Práticas Avaliativas: uma análise da “Avaliação Nacional da Alfabetização”. 2016. 192 f. Doutorado (Tese em Educação) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2016.

SORDI, M. R. L. de. Entendendo as lógicas institucional para dar sentido ao contexto interpretativo. In: VILLAS BOAS, B. M. de F. (Org.). Avaliação: políticas e práticas. Campinas: Papirus, 2002 p. 65-82

TEIXEIRA, O. C. da S. Implementação da avaliação nacional da alfabetização na gestão do processo alfabetizador em Dourados-MS. 2017.169 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Federal da Grande Dourados, MS, 2017.

UREL, A. L. J. A legitimação das avaliações em larga escala no discurso sobre gestão educacional. 2016. 187f. Doutorado (Tese em Educação) - Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”, Marília, 2016.

WATANABE, A. Políticas públicas de alfabetização na Rede Municipal de Ensino de São Paulo: uma trajetória para a consolidação do direito à educação. 2016. 250 f. Doutorado (Tese em Educação) – Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, 2016.

ZANARDINI, J. B. Considerações sobre o papel da educação eficiente como estratégia para o alívio da pobreza. In: EVANGELISTA, Ol. O que revelam os slogans educacionais. Araraquara: Junqueira & Marin, 2014. p. 245 -282




DOI: https://doi.org/10.24115/S2446-6220201842470p.27-39

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

 

Esta obra está licenciado com uma Licença CreativeCommons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional

 

ISSN:2446-6220

Indexadores/Indexing

 SEER - Sistema de Editoração Eletrônica de Revistas *Google Acadêmico * Worldcat - Laplage em Revista * Diadorim * DOAJLatindex *Journal TOCS  *Livre - Revistas de Acesso Livre *Sumarios.org  *Portal de Periódicos CAPES/MEC *Open Academic Journal Index - OAJI *BASE - Bielefeld Academic Research Engine *Portal de Periódicos da UFSCAR *REDIB (Red Iberoamericana de Innovación y Conocimiento Científico) *MIAR- Information Matrix for the Analysis of Journals *Catálogo Colectivo do Reino Unido (COPAC) *ZDB - Catálogo Coletivo (Alemanha) *SHERPA ROMEO - Open Acess to research *Ulrichweb Global Serials Directory *RCAAP -Repositório Científico de Acesso Aberto de Portugal *ERIH PLUS - European Reference Index for the Humanities and the Social Sciences *ROAD - Directory of Open Acess Schorlay Resources *ISSN - International Standard Serial Number  (international Centre) - CLASE - Citas Latinoamericanas en Ciencias Sociales y Humanidades - Clarivate Analytics (WEB OF SCIENCE)- Edubase (SBU/UNICAMP) - IRESIE - REDALYC