Formação continuada no estado de Mato Grosso no contexto das políticas públicas educacionais

Marcia Regina Gobatto

Resumo


A formação continuada de professores é colocada em pauta neste estudo que tem por objetivo destacar o papel do Centro de Formação e Atualização dos Profissionais da Educação Básica de Mato Grosso (Cefapro/MT) no contexto das políticas nacionais de formação. Procurou-se reconstituir cronologicamente a trajetória do referido centro, indicando o contexto de sua origem, seus objetivos, sua estrutura administrativa e orientação pedagógica. Os dados indicam que ocorreram mudanças na nomenclatura a partir dos posicionamentos assumidos em relação às suas finalidades. Os dados foram buscados em textos oficiais da legislação brasileira e estadual. As análises indicam que a iniciativa de criação do Cefapro/MT se deu no contexto de uma escola pública e posteriormente foi assumida como uma política de Estado para a formação continuada de todos os profissionais da educação. 


Palavras-chave


Políticas de Formação. Cefapro/MT. Formação Continuada.

Texto completo:

PDF

Referências


BRASIL. Ministério da Educação. Plano decenal educação para todos. Brasília: MEC, 1993.

BRASIL. Ministério da Educação. Lei nº 9.394/1996, que estabelece as Diretrizes e Bases da Educação. Brasília: MEC, 1996.

BRASIL. Ministério da Educação. Decreto nº 6.755/2009, que institui a Política Nacional de Formação dos Profissionais do Magistério de Educação Básica. Brasília: MEC, 2009.

BRASIL. Ministério da Educação. Lei nº 10.172/2001, que estabelece o Plano Nacional de Educação. Brasília: MEC, 2001.

BRASIL. Ministério da Educação. Projeto de Lei nº 8035/2010, que estabelece o Plano Nacional de Educação (2011/2020). Brasília: MEC, 2010.

FAVRETTO, I. de O. G. A formação continuada dos professores em exercício nas escolas públicas de Rondonópolis-MT: uma investigação sobre as instâncias Formadoras. Dissertação (Mestrado em Educação). Cuiabá: UFMT/IE, 2006.

MÁXIMO, A. C.; NOGUEIRA, G. S. Formação continuada de professores em Mato Grosso (1995-2005). Brasília: Líber Livro, 2009.

NÓVOA, A. Formação de professores e profissão docente. In NÓVOA, António Os professores e sua formação. Lisboa: Dom Quixote, 1995.

MATO GROSSO. Secretaria de Educação e Cultura. Parecer orientativo/2011 Projeto Sala de Educador. Superintendência de Formação dos Profissionais da Educação Básica. Cuiabá: Seduc, 2011.

MATO GROSSO. Secretaria de Educação e Cultura. Decreto 2.007/1997. Dispõe sobre a criação de Centros de Formação e Avaliação do Professor. Cuiabá: Seduc, 1997.

MATO GROSSO. Secretaria de Educação e Cultura. Lei complementar 50/1998. Dispõe sobre a carreira dos Profissionais da Educação Básica. Cuiabá: Seduc,1998a.

MATO GROSSO. Secretaria de Educação e Cultura. Decreto 2.319/1998. Dispõe sobre a criação de Centros de Formação e Atualização do Professor. Cuiabá: Seduc, 1997

MATO GROSSO. Secretaria de Educação e Cultura. Portaria 02/1998. Dispõe sobre a estrutura administrativa e pedagógica dos Centros de Formação e Atualização do professor. Cuiabá: Seduc,1998b.

MATO GROSSO. Secretaria de Educação e Cultura. Decreto 2.116/1998. Dispõe sobre a criação dos Núcleos de Tecnologias Educacionais. Cuiabá: Seduc, 1998c.

MATO GROSSO. Secretaria de Educação e Cultura. Decreto 0053/1999. Dispõe sobre a criação de Centros de Formação e Atualização do Professor. Cuiabá: Seduc, 1999.

MATO GROSSO. Secretaria de Educação e Cultura. Portaria 048/1999. Dispõe sobre a estrutura administrativa e pedagógica dos Centros de Formação e Atualização do Professor. Cuiabá: Seduc,1999.

MATO GROSSO. Secretaria de Educação e Cultura. Lei 8.405/2005. Dispõe sobre a estrutura administrativa e pedagógica dos Centros de Formação e Atualização dos Profissionais da Educação Básica do Estado de Mato Grosso. Cuiabá: Seduc, 2005.

MATO GROSSO. Secretaria de Educação e Cultura. Centros de Formação e Atualização do Professor. Cuiabá: SEDUC, 1998.

MATO GROSSO. Secretaria de Educação e Cultura. Decreto nº 6824/2005, que dispõe sobre a criação de Centros de Formação e Atualização. Cuiabá: SEDUC, 2005.

MATO GROSSO. Secretaria de Educação e Cultura. Planejamento Estratégico, que institui a Política e o Planejamento da Formação Inicial e Continuada dos Profissionais da Educação. Cuiabá: SEDUC, 2008.

MATO GROSSO. Secretaria de Educação e Cultura. Lei nº 9072/2009, que dispõe sobre a criação de Centros de Formação e Atualização. Cuiabá: SEDUC, 2009.

MATO GROSSO. Secretaria de Educação e Cultura. Política de formação dos profissionais da educação básica de Mato Grosso. Cuiabá: SEDUC, 2010.

MATO GROSSO.Secretaria de Educação e Cultura. Resolução nº 003/2011/FEE/MT, que dispõe sobre a comissão de formação do fórum permanente de apoio à formação docente. Diário Oficial de 05/08/2011. Cuiabá: SEDUC, 2011.

MATO GROSSO. Secretaria de Educação e Cultura. Resolução nº. 001/09 do Fórum Estadual de Educação (FEE), que dispõe sobre as instituições que comporão o fórum permanente de apoio à formação docente. Diário Oficial de 29/07/2009. Cuiabá: SEDUC, 2009.

ROCHA, S. A. Habilitação Magistério em Mato Grosso: o caso do CEFAM em Rondonópolis. Dissertação (Mestrado em Educação), São Paulo: UNESP, l996.

ROCHA, S. A. Os professores leigos e o Proformação: uma alternativa possível a partir do projeto piloto de Mato Grosso . Tese (Doutorado em Educação). Marília/SP: UNESP, 2001.

RODRIGUES, S. de F. P. Práticas de formação contínua em Mato Grosso – da autonomia professoral à prescrição da política estatal. Tese (Doutorado em Educação). São Paulo: PUCSP, 2004.




DOI: https://doi.org/10.24115/S2446-622020151224p.107-118

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

 

Esta obra está licenciado com uma Licença CreativeCommons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional

 

ISSN:2446-6220

Indexadores/Indexing

 SEER - Sistema de Editoração Eletrônica de Revistas *Google Acadêmico * Worldcat - Laplage em Revista * Diadorim * DOAJLatindex *Journal TOCS  *Livre - Revistas de Acesso Livre *Sumarios.org  *Portal de Periódicos CAPES/MEC *Open Academic Journal Index - OAJI *BASE - Bielefeld Academic Research Engine *Portal de Periódicos da UFSCAR *REDIB (Red Iberoamericana de Innovación y Conocimiento Científico) *MIAR- Information Matrix for the Analysis of Journals *Catálogo Colectivo do Reino Unido (COPAC) *ZDB - Catálogo Coletivo (Alemanha) *SHERPA ROMEO - Open Acess to research *Ulrichweb Global Serials Directory *RCAAP -Repositório Científico de Acesso Aberto de Portugal *ERIH PLUS - European Reference Index for the Humanities and the Social Sciences *ROAD - Directory of Open Acess Schorlay Resources *ISSN - International Standard Serial Number  (international Centre) - CLASE - Citas Latinoamericanas en Ciencias Sociales y Humanidades - Clarivate Analytics (WEB OF SCIENCE)- Edubase (SBU/UNICAMP) - IRESIE - REDALYC