A formação de professoras da educação infantil em contexto na UAC – UFSCar: efeitos e impactos das políticas públicas

Andrea Braga Moruzzi, Maria José da Silva Rocha

Resumo


Este artigo analisa a formação de professoras da educação infantil em contexto na Unidade de Atendimento a Criança da UFSCar a partir da sistematização da história registrada em seus arquivos e da realização de entrevistas e relatos de suas docentes. O escopo da análise é a discussão sobre as transformações na carreira das docentes contrabalanceando suas memórias, os arquivos e os efeitos e impactos das mudanças políticas. Observa-se que a formação das professoras é fortemente impactada pelas mudanças legislativas com diferentes exigências às suas profissionais nas últimas três décadas. A trajetória da formação das docentes em contexto, trazida à contra memória, traz inúmeras semelhanças com demais “creches universitárias” promovendo também uma visibilidade das questões que envolvem a consolidação de uma Unidade de Educação Infantil Universitária no âmbito do Ensino, da Pesquisa e da Extensão, aspectos estes exigidos pela Resolução No.1 de Março de 2011 do CNE/SEB atualmente vigente. 


Palavras-chave


Educação Infantil. Formação de Professores em Contexto. Resolução n..1 de março de 2011 do CNE/SEB. “Creches Universitárias”.

Texto completo:

PDF

Referências


BRASIL, Ministério da Educação. Conselho Nacional de Educação e Secretaria de Educação Básica. Resolução n. 1 de março de 2011. D.O. 2011.

BRASIL, Ministério da Educação. Conselho Nacional de Educação e Secretaria de Educação Básica. Critérios de Atendimento que respeitem os direitos fundamentais das crianças em creches e pré-escolas. Brasília: MEC, 2009.

BRASIL, Ministério da Educação. Conselho Nacional de Educação e Secretaria de Educação Básica. Parâmetros de infraestrutura para educação infantil. Brasília: MEC, 2006.

BRASIL, Ministério da Educação. Conselho Nacional de Educação e Secretaria de Educação Básica. Parâmetros de Qualidade na Educação Infantil. Brasília: MEC, 2006.

BRASIL, Ministério da Educação. Conselho Nacional de Educação e Secretaria de Educação Básica. Diretrizes Curriculares Nacionais da Educação Infantil. Brasília: MEC, 2009.

EDWARDS, C. GANDINI, L; FORMAN, G. As cem linguagens da criança: a abordagem de Reggio Emília na educação da primeira infância. trad. Dayse Batista. Porto Alegre: Editora Artes Médicas Sul Ltda., 1999.

FORMOSINHO, J. O.; KISHIMOTO, T.M. Formação em contexto: uma estratégia de integração. São Paulo: Pioneira, 2002.

HADDAD, L. A creche em busca de identidade: perspectivas e conflitos na construção de um projeto educativo. São Paulo: Loyola, 1990.

KAMII, C. A Criança e o número: implicações educacionais da teoria de Piaget para a atuação com escolares de 4 a 6 anos. Tradução Regina A. de Assis, Campinas SP, Papirus, 1990.

MACEDO, L. (org.). Cinco estudos de educação moral. São Paulo: Casa do Psicólogo, 1996.

MUKINA, V. Psicologia da idade pré-escolar. São Paulo: Martins Fontes, 1996.

RAUPP, M. D. A educação infantil nas universidades federais: questões, dilemas e perspectivas. 2002. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Federal de Santa Catarina.

RAUPP, M. D. Creches nas Universidades Federais: questões, dilemas e perspectivas. Educação e Sociedade, v. 25, n.Jan/Abr., p. 197-217, 2004.

TELES, M.A.A.; MEDRADO, M.A.; GRAGNANI, A.M.C. Creches e berçários em empresas privadas paulistas. In: ROSEMBERG, F. (Org.). Temas em destaque: creche. São Paulo: Cortez; Fundação Carlos Chagas, 1989. p. 104-134.




DOI: https://doi.org/10.24115/S2446-6220201731234p.87-100

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

 

Esta obra está licenciado com uma Licença CreativeCommons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional

 

ISSN:2446-6220

Indexadores/Indexing

 SEER - Sistema de Editoração Eletrônica de Revistas *Google Acadêmico * Worldcat - Laplage em Revista * Diadorim * DOAJLatindex *Journal TOCS  *Livre - Revistas de Acesso Livre *Sumarios.org  *Portal de Periódicos CAPES/MEC *Open Academic Journal Index - OAJI *BASE - Bielefeld Academic Research Engine *Portal de Periódicos da UFSCAR *REDIB (Red Iberoamericana de Innovación y Conocimiento Científico) *MIAR- Information Matrix for the Analysis of Journals *Catálogo Colectivo do Reino Unido (COPAC) *ZDB - Catálogo Coletivo (Alemanha) *SHERPA ROMEO - Open Acess to research *Ulrichweb Global Serials Directory *RCAAP -Repositório Científico de Acesso Aberto de Portugal *ERIH PLUS - European Reference Index for the Humanities and the Social Sciences *ROAD - Directory of Open Acess Schorlay Resources *ISSN - International Standard Serial Number  (international Centre) - CLASE - Citas Latinoamericanas en Ciencias Sociales y Humanidades - Clarivate Analytics (WEB OF SCIENCE)- Edubase (SBU/UNICAMP) - IRESIE - REDALYC